Como as frutas cítricas beneficiam o sistema imunológico

Uma boa alimentação é chave principal para que o bem-estar de todos seja mantido de forma correta e responsável. Por isso, entender como os alimentos trabalham dentro do organismo humano é fundamental para que cada um saiba exatamente o que comer com o intuito de suprimento de necessidades. Comer corretamente está relacionado com a regulação de níveis hormonais, sono e do corpo em geral, o que inclui o sistema imunológico. De acordo com nutricionistas, até mesmo a cor dos alimentos significam algo para o corpo humano e eles recomendam a ingestão de frutas cítricas para melhorar o trabalho de defesa do organismo.

Essas frutas têm características particulares e peculiares sobre sabor, textura e um perfil diferenciado das outras. Por isso, não é difícil reconhecer quando uma fruta é cítrica. Os frutos cítricos têm esse nome justamente por causa do ácido cítrico, que é sua substância em abundância. Além do mais, eles são ricos em vitamina C, que é um dos principais elementos para o sustento dos métodos de defesa do organismo humano.

Além do mais, algumas frutas apresentam outras vitaminas como potássio, vitamina A e flavonoides. O sabor dessas frutas é mais ardido, mas seu benefício para o indivíduo é muito grande. Sua origem está em regiões tropicais e subtropicais da Ásia.

Os exemplos mais conhecidos são:

  • Laranja
  • Limão
  • Tangerina
  • Cidra
  • Lima-da-pérsia

Sua classificação se apresenta da seguinte forma:

  • Reino: Plantae
  • Divisão: Magnoliophyta
  • Classe: Magnoliopsida
  • Ordem: Sapindales
  • Família: Rutaceae
  • Gênero: Citrus

Além do sistema imunológico, as frutas cítricas também têm uma alta contribuição para a manutenção da hidratação da pele, pois ela melhora o tom da pele e também previne contra rugas e sinais de envelhecimento. As unhas também recebem um benefício e ficam mais saudáveis, além de existir também a diminuição da acne em alguns casos. Enfim, há uma infinidade de pontos positivos que podem ser observados através das frutas cítricas.

Por isso, sua ingestão é altamente recomendada. No entanto, deve-se salientar que sempre deve haver uma consulta com um especialista para o esclarecimento de outras dúvidas que possam aparecer sobre esses produtos.